9 de fevereiro de 2010

Simples e fácil

Sentou-se. Sentiu um leve frio nas nádegas mas deixou-se estar. Aquilo ia passar, era uma questão de tempo até a temperatura normalizar. Fez força, relaxou, voltou a fazer força e ali estavam: três poios, dispostos na horizontal e ordenados por idade, do mais recesso para o mais fresco. Puxou o papel higiénico e num gesto rápido limpou a sua zona anal. Não era muito minucioso nesta tarefa e por vezes eram os boxers que se ressentiam deste desleixo. Levantou-se e antes de puxar o autoclismo atirou um último olhar à sanita, desta feita com uma bela imagem de papel higiénico sujo. Para um centro comercial de segunda categoria não era uma sanita nada feia nem desconfortável. Enfim, o serviço já estava feito. Finalmente conseguira arranjar um sítio para se aliviar. Esperava-o uma grande noite e não seria o pão com chouriço que comera na dona Adriana que a iria estragar. Saiu e esqueceu-se de lavar as mãos.

2 comentários:

Rita disse...

Comi mousse de chocolate à cerca de 15 minutos. Estava um pouco cheia demais. Depois li o teu post. Fiquei com vontade de virar o barco! Obrigado Sansão...

Siegfried disse...

Não lavou as mãos mas pelo menos não se esqueceu de limpar as barbas :D

Publicidadezinha